Escritos de Ada

quarta-feira, 5 de maio de 2010


Golpeia
a folha
com fúria:

a carne
do papel
não sangra.

In: Menina Gauche, ed. Flor do Sal, 2008

4 comentários:

  1. ...a poesia já conheço de tanto, e no... heim?tanto sempre me espanto!

    Eita! Blog novo! Que massa! Parabéns! Tava sentindo a sua falta... vou espalhar... rs...

    Ada danada...

    Eu também tô nessa de blog novo... em breve!

    Beijos!

    P.S.: Um dia quero uma dedicatória - comprei seu livro na Poty, por ti, por mim, e, claro, adorei!

    ResponderExcluir
  2. Que bom que voltou à essa roda virtual. Sua ciranda é sempre necessária!
    Cheiro, S.

    ResponderExcluir
  3. Bem-vinda ao Blogspot!

    Gostei dos Golpes
    em folhas em fúria são belos
    goles de vento e chuva

    ResponderExcluir
  4. Que bom vir aqui, Ada! Belo poema!
    Parabéns pelo blog! Voltarei, sempre!

    Beijos
    Cláudia.

    ResponderExcluir